GRUPO RETINA - UM NOVO OLHAR PARA A VIDA

  O GRUPO

  NOSSA MISSÃO

  O OLHO

  DOENÇAS

  PESQUISAS

  NOTÍCIAS

  AGENDA

  LINKS

  DOAÇÕES

  PARCEIROS

  FOTOS

  CADASTRE-SE

  NOSSO ENDEREÇO

  BENGALA VERDE


COMO É SUA ESTRUTURA

Uma comparação didática do olho pode ser feita a um ovo.
-A esclera seria a casca do ovo.
- A retina seria a fina membrana que recobre o interior da casca do ovo.
- O vítreo seria a clara do ovo, que preenche o espaço interno.

 

ESTRUTURA DO OLHO: corpo ciliar, córnea, cristalino, pupila, íris, ligamentos, humor vítreo, esclerótica, coróide, retina, mácula lútea, fóvea, nervo óptico, ponto cego

ESTRUTURA DO OLHO

CÓRNEA

É uma estrutura transparente anterior do olho e possível de ser trocada em caso de doenças que a afetem severamente, realizada por meio do transplante de córnea.


O CRISTALINO

O cristalino é a lente do olho, que se localiza logo atrás da pupila. A opacidade desta lente chama-se catarata. A cirurgia de catarata consiste na remoção do cristalino e no implante de uma lente intra-ocular no seu lugar.


A ESCLERA

A parte branca do olho, parede externa, é chamada de esclera.


A PUPILA

A pupila na verdade é um buraco central na íris, a parte colorida do olho. Através deste buraco o médico consegue observar o olho por dentro.

A dilatação da pupila aumenta esse buraco e propicia melhor exame das estruturas do fundo de olho: vítreo, nervo óptico, retina e coróide.

O exame destas estruturas chama-se mapeamento de retina e os exames fotográficos de retinografia e retinografia fluorescente (ou angiofluoresceínografia).


A RETINA

Numa comparação com uma máquina fotográfica, nossa retina seria o filme fotográfico. As células fotorreceptoras da retina são responsáveis por transformar a luz em impulso elétrico, que será enviado ao cérebro através do nervo óptico.

Existem dois tipos de células fotorreceptoras na retina: os cones e os bastonetes. Os cones são responsáveis pela visão no claro, visão de cores, de detalhes e estão localizados na mácula, área central da retina.

Os bastonetes precisam de pouca luz para funcionar e, por estarem localizados na área mais periférica da retina, são responsáveis pelo campo de visão periférico.

O funcionamento das células fotorreceptoras depende muito do funcionamento das células do epitélio pigmentário da retina.

Os vasos sangüíneos trazem oxigênio e nutrição para a retina.


O VÍTREO

O vítreo é parecido com a clara de um ovo. É transparente e preenche a cavidade do globo ocular. O vítreo fica aderido à retina.


A CORÓIDE

É uma camada que fica entre a retina e a esclera. É composta por uma rede de vasos sangüíneos, diferentes dos vasos da retina.